Esta semana, o Expansão faz manchete com a dívida governamental
14 Janeiro 2018
      
Esta semana, o Expansão faz manchete com a dívida governamental. No final de 2017, cada angolano devia 1.342 USD ao estrangeiro, o equivalente a um terço do rendimento per capita do País.

Também em destaque a depreciação do kwanza. A moeda nacional deve cair mais 15% em 2018. O BNA tem como objectivo reduzir o gap entre a taxa ofcial e a das 'kinguilas' para menos de 20% contra os actuais 135%, o que quer dizer que o Governo irá trabalhar com uma taxa de câmbio de 218 kz por USD no final do ano.

O Estado pôs 10 mil milhões USD na Sonangol nos últimos dois anos, é outro tema de capa desta edição. Os valores foram injectados durante o consulado de Isabel dos Santos. Metade refere-se à assunção de parte da dívida da companhia para (re)abrir portas ao financiamento internacional. O restante foi para investimento.

Nesta edição pode ver ainda quanto custam mais dois administradores no Fundo Soberano, do que os que tinha a administração presidida por Filomeno dos Santos.

Na opinião, Alves da Rocha alerta para os efeitos da bicefalia na economia. E nos mercados, o barril de petróleo furou a barreira dos 70 USD.

Estes são alguns dos temas que pode ler na edição em papel ou na versão digital.

Encontre-nos nas bancas ou em https://leitor.novavaga.co.ao/
Boa leitura!


Angola-Connection.net