Todo o mundo está virado para a Tailândia. Enquanto isso em Angola a traineira do Mestre Armando Ulombe com 8 pescadores a bordo está à deriva
9 Julho 2018
      
Todo o mundo está virado para a Tailândia.
Enquanto isso em Angola a traineira do Mestre Armando Ulombe com 8 pescadores a bordo está à deriva/desaparecida algures no norte de Angola.

Depois de ter zarpado de Luanda no passado dia 12 de Junho, o último contacto que a embarcação teve com a terra/Soyo foi no dia 22 de Junho, quando, já avariada, estava a ser rebocada.

Por mau tempo/ventania a operação de resgate, que estava em curso falhou, tendo a traineira voltado a desaparecer, supostamente em direcção ao norte/Gabão.

Neste entretanto três dos tripulantes ainda conseguiram desembarcar, para em terra procurarem uma bateria.
A familia do Mestre já não sabe o que fazer, depois de todos os contactos já efectuados com as autoridades no Soyo visando a localização do barco pesqueiro.

Fonte familiar desesperada solicita com urgência que os meios aéreos sejam igualmente accionados, pois está convencida que nada ainda foi feito por via aérea.


Por : Reginaldo Silva


Angola-Connection.net